Mercado Aéreo: Governo defende maior participação estrangeira em aéreas

Hoje, a limitação dessa participação é de 20% e há consenso no Palácio do Planalto que esse número seja elevado para ao menos 49% Aviões em Cumbica: avalia-se que a principal demanda das companhias aéreas, um valor menor do querosene de aviação, teria um alto custo econômico e político (Foto: Dado Galdieri/Bloomberg ) Brasília –…